A nuvem, a loja e um cartão de crédito.

best-websites-to-download-musicDistribuição digital, talvez você já tenha ouvido falar nesse termo? Não? Tem certeza? Bom, não é problema, mesmo sem ter ouvido este termo você vai usufruir disso.
Vamos voltar pouco, vamos para a década de 80. Nesta década, quando o pai do amigo de um amigo meu decide que quer ouvir uma música nova ele tem duas opções, ou liga o rádio e escuta o que passa, ou vai até uma interiorloja de música e passa infindáveis minutos revirando pilhas de CD’s e LP’s. Neste meio tempo, ele conversa com outras pessoas na loja, troca idéias sobre qual álbum quer. As vezes até escuta uma ou outra música no kiosk
de degustação da loja. Assim, ele compra seu disco, leva para casa e coloca para tocar no seu som. Dias depois ele descobre que só um música de todo o álbum prestava (mas isso é uma história a parte).

Vamos agora pular umas duas décadas para frente. Estamos fundo agora do amigo do meu amigo. Ele, assim como eu, ainda novo, não dirige, nem tem muito dinheiro. Ele ainda está deslumbrado com sua Internet de 28.8kbps. Eis que ele descobre o Napster (ou qualquer similar dos anos subsequentes) e do dia para a noite (quase que tumblr_miw5mcA37N1qft3eko1_400literalmente, pois era o tempo que levava para baixar uma música) ele podia ter/ouvir o que ele quisesse. Era simples, era fácil. A palavra pirataria Nunca passou pela cabeça dele. Simplesmente era um jeito simples e prático de ter suas músicas.
Vamos adiantar uma década (e muito bafafá burocrático jogado na mídia sobre pirataria)
Estamos agora mais de 30 décadas depois do dia que o pai do amigo do amigo meu foi a loja comprar um álbum novo para ouvir. Esse meu amigo, chegou a uma conclusão que achei muito interessante em todo esse tempo. Nunca ouvi pirataria, ele somente queria ouvir músicas, e ele queria isso do jeito mais fácil.
O argumento dele, era que, nos pagamos por produtos e serviços porque eles facilitam nossas vidas. Nos pagamos mais caro em alguns pois eles não facilitam ainda mais e/ou nos trazem melhor qualidade. Então, porque ele se daria ao trabalho de ir a uma loja, buscar álbuns e opiniões, comprar este álbum e ficar preso a mídia física que ele é, se ele poderia simplesmente dar alguns poucos cliques e pronto e ainda por cima ele não gastava dinheiro com a segunda.
Agora estamos hoje, aqui, conversando, e eu não mais preciso ir em uma loja, porque a loja veio até mim. Eu não quero mais baixar minha músicas como antes porque o serviçoman-listening-to-music que as lojas me oferecem são melhores, e com quase zero burocracia. Hoje eu não só tenho uma loja, eu tenho uma amigo que sabe meus gostos e está sempre atento a me sugerir coisas novas. Eu também posso dizer a esse amigo que não gostei de sua sugestão, ele vai levar isso em consideração quando buscar novas coisas para mim.
Esse amigo, fica na nuvem, ele é quase como um amigo imaginário, ele está no meu computador, no meu Smartphone e no meu tablet. Tudo que ele me pede é meu cartão de crédito em uma quantia que eu acho mais que justo de dar a ele.
Acredito que isso exemplifique de forma ao menos básica, o que a distribuição digital, nuvem e etc..  representam. Mais posts virão para explorar este tópico.

google-play-music1

Advertisements